Um Arquiteto para realizar Sonhos!





Arquitetos não são gênios da lâmpada, mas conseguem realizar os desejos dos clientes e transformar moradas.






​Quando um arquiteto projeta uma morada ou ambiente, ele não está apenas trabalhando com a estética e funcionalidade de um espaço, ele está lidando com sonhos de outras pessoas. Por isso, é importante respeitar e expressar a individualidade do cliente no projeto, para que ele tenha prazer em viver e desfrutar do espaço que, por sua vez, compartilha características e detalhes únicos de seu usuário.

Entre os desejos do cliente e o conhecimento técnico do profissional há uma grande negociação, para que o resultado expresse o que o cliente quer com a assinatura do arquiteto. Será que isso dá certo? Como fazer para que haja harmonia no processo e resultado? Profissionais da área explicam.

"Quando trabalhamos com expectativas e sonhos, todo cuidado é pouco e a nossa sensibilidade é fundamental para uma boa interpretação das necessidades, tanto afetivas, quanto técnicas dos clientes. Temos que ter um feeling do que é desejo de expor e o que é desejo de interiorizar até para a expressão estética do projeto", ponderam as arquitetas Flávia Gamallo e Fabiana Couto, do escritório Coga Arquitetura.

Para o arquiteto Júnior Piacesi, na hora da construção do projeto, o profissional tem que ser o facilitador. "Primeiro existe uma conversa de necessidades e de importâncias. Depois, nós temos outra conversa que é sobre o que é referência visual, de imagem, de textura, de materiais para o cliente. Após isso, inicia-se a criação. No fim, construímos juntos". As profissionais do Coga Arquitetura contam como fazem para que as peculiaridades do cliente sejam trabalhadas no projeto. 

"Procuramos entender a dinâmica e a rotina da casa, os hobbies e gostos, assim como os desejos de mudanças de cada morador. Planejamos essas atividades no fluxo da residência e, a partir daí, começa o projeto. A casa, antes de ser bonita e agradável, deve atender às funções essenciais para a vida do morador. Só assim um projeto é capaz de perdurar com sucesso", asseguram Flavia e Fabiana.

Júnior Piacesi revela porque é importante dar atenção às peculiaridades de cada cliente e representa-las nos projetos: "A casa vai criar uma relação de uso psicológico com a pessoa. Há aí uma relação mais íntima". E as arquitetas da Coga, Flávia e Fabiana, completam: "O cliente precisa ocupar a sua casa da forma como ele enxerga o mundo. A nossa arquitetura não impõe, ela se adapta às necessidades e serve de suporte, de pano de fundo pra vida real".

A seguir vejam alguns projetos bem sucedidos, de diferentes arquitetos e designers.


Projeto da AMFB Arquitetura.



Projeto da Arquiteta Ana Bumachar.



Projeto da Arquiteta Carolina Nathair.



Projeto da Arquiteta Cristina Rocha Andrade.



Projeto do Arquiteto Paulo Carvalho.



Projeto da BEP Arquitetos.



Projeto da Cacho Arquitetura.



Projeto de Camila Rosa Arquitetura.



Projeto de Carolina Ouro Arquitetura.



Projeto da Carolina Rocco Arquitetura.



Projeto da Consuelo Jorge Arquitetos.



Projeto da Designer de Interiores Elvira Monteiro.


Serviços:




Fonte: Rede Lar&Cia


Divulgue seus projetos no Morar Melhor, é Simples, Clique Aqui e envie um Email com seus contatos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Morar Melhor.
www.morarmelhor.com